«Ainda vamos surpreender muita gente»

Alex, extremo direito da equipa de Juvenis A do SC Beira-Mar, chegou este ano ao clube e a Aveiro. Ao DesportoAveiro, o jovem atleta auri-negro concedeu uma entrevista exclusiva.

Aos dezasseis anos, mudaste do Alentejo para Aveiro. O que é que motivou esta mudança?

A maior razão foi querer ter boas condições de estudo e ter uma vida melhor. Estava a precisar de uma mudança na minha vida porque a rotina era sempre a mesma e, isso, aborrecia-me.

Fala-nos do teu percurso no futebol até chegares ao SC Beira-Mar.

Comecei no SC Estrela de Portalegre, clube onde começou esta paixão pelo futebol. Mudei depois para o CD Portalegrense, onde aprendi muito do que sei hoje. Fruto do trabalho, e com a ajuda de um grande treinador, mas a cima de tudo amigo, Pedro Simão, recebi um convite do Elvas para disputar o campeonato nacional e no ano passado despedi-me do Alentejo no Portalegrense.

Como é que surgiu a escolha pelo SC Beira-Mar?

Devido ao fato de ter família nesta zona, eu quando era mais novo dizia que era do Benfica e do Beira Mar. Na altura não fazia tanto sentido como agora!

Como é que foste recebido pelos teus novos colegas?

Desde o primeiro dia que fui muito bem recebido. Não tenho nada a apontar, só a elogiar e ajudar os meus colegas sempre que precisarem. E não pode faltar o apoio que os adeptos passam para dentro de campo. É importantíssimo.

A carreira da equipa na I Divisão Distrital de Juvenis está a correr um pouco a baixo das expetativas. Concordas?

As ideias estão lá e a qualidade também. Aos poucos vamos demonstrar e surpreender os adversários, os golos e as vão chegar. Isto não é como começa mas sim como acaba.

Que objetivos ainda pode ter a equipa este ano?

Os objetivos são exatamente os mesmos, lutar até ao fim e conseguir todos os pontos possíveis. As contas só se fazem no fim e nós ainda vamos surpreender muita gente.